IPEM-SP apreende fios e cabos elétricos Divulgação - publicada em 22. 4. 2017 - atualizada 9h33 A fiscalização ocorreu nos estabelecimentos comerciais espalhados em 18 cidades do Estado de São Paulo
Opções
a- / 
a+
Indicar

Imprimir

Achei um erro

Com o intuito de defender a credibilidade da marca do Inmetro, o IPEM-SP realizou na quarta-feira, 19 de abril, a operação especial “De Olho na Marca” com o objetivo de retirar do mercado fios e cabos elétricos com o selo do Inmetro com registro cancelado.

Foram fiscalizados 1140 rolos de fios e cabos. Sendo encontradas irregularidades em 1136 (99%). No total, foram visitados 17 estabelecimentos no Estado de São Paulo, sendo encontradas irregularidades em 15 (88%). O material irregular foi apreendido e interditado pelas equipes de fiscalização.

Na Capital foram encontradas irregularidades nos 285 (100%) dos produtos fiscalizados nas três lojas verificadas.

Foram encontrados produtos irregulares em estabelecimentos comerciais de Araraquara, Campinas, Indaiatuba, Jundiaí, Mogi das Cruzes, Presidente Prudente, Rio Claro, São Carlos, São José do Rio Preto, Santos e Várzea Paulista.

Os produtos fiscalizados tiveram seus registros cancelados em virtude de problemas detectados após a certificação inicial e o que as empresas vem colocando no mercado. Estas não conformidades, como de resistência elétrica, foram detectadas no Programa de Vigilância de Mercado do Inmetro executado através dos IPEMs estaduais.  

Todo cabo elétrico deve constar na sua embalagem o selo do Inmetro com o número do registro ativo demonstrando que o produto cumpriu com todas as exigências legais relativas aos ensaios de segurança do produto e não possui nenhuma restrição.

A fiscalização ocorreu nos estabelecimentos comerciais espalhados em 18 cidades do Estado de São Paulo. São elas: Araraquara, Campinas, Indaiatuba, Jundiaí, Presidente Prudente, Rio Claro, São Carlos, Santos, Santo André, São Paulo, São José do Rio Preto, Mogi das Cruzes, Osasco e Várzea Paulista.

As empresas autuadas terão dez dias para apresentar defesa junto ao instituto. De acordo com a lei federal 9.933/99, as multas podem chegar a R$ 1,5 milhão.

IPEM-SP

O IPEM-SP é uma autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo e órgão delegado do Inmetro. Com uma equipe de fiscalização formada por especialistas e técnicos, realiza diariamente, em todo o Estado de São Paulo, operações de fiscalizações rotineiras em balanças, bombas de combustíveis, medidores de pressão arterial, taxímetros, radares, capacetes de motociclistas, preservativos, cadeiras de carro para crianças, peças de roupa, cama, mesa e banho, botijões de gás, entre outros materiais. É seu papel também proteger o consumidor para que este leve para casa a quantidade exata de produto pela qual pagou. Quem desconfiar ou encontrar irregularidades pode recorrer ao serviço da Ouvidoria, pelo telefone 0800 013 05 22, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar e-mail para: ouvidoria@ipem.sp.gov.br.

Tem mais informações sobre esta asunto? Partilhe sua experiência. Seja um Repórter!
Indicar
Imprimir
Achei um erro
Indicar


PUBLICIDADE - Anuncie aqui.